quarta-feira, abril 24, 2024
InícioPolíciaCom roupa de presidiário, empresário que teria mandado matar Gedeon Barros depõe...

Com roupa de presidiário, empresário que teria mandado matar Gedeon Barros depõe de novo

Publicado em

Nove dias depois de ser preso, o empresário Carmélio da Silva Bezerra voltou a ser interrogado pelo assassinato do ex-prefeito Gedeon Barros, na tarde de sexta-feira, 29, na sede da Delegacia de Homicídios da Polícia Civil.
Carmélio prestou declarações por cerca de 10 minutos ao delegado Alcino Ferreira Junior.
Neste período, o empresário negou qualquer envolvimento na morte do ex-prefeito de Plácido de Castro.
 Ele disse também que não conhece um dos executores do crime, que seria delator do crime.
Carmélio negou ainda qualquer ligação com o ex-secretário de esportes, Mazinho Mariano, que também está preso pela acusação de ser um dos mandantes do crime.
Uma das finalidades do novo interrogatório é confrontar com as declarações apresentadas pelo ex-secretário de esportes.
Mazinho também foi interrogado no último dia 26.
O delegado Alcino Ferreira Junior não revelou a íntegra das declarações do empresário, mas disse que as informações colhidas foram importantes para o inquérito policial.
Após o procedimento o empresário foi encaminhado para o presídio. A defesa de Carmélio ingressou com um habeas corpus junto ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), pedindo a impugnação da prisão preventiva.  David Santos alega no recurso cerceamento da defesa. O HC deve ser julgado até a próxima semana
Copiar

Últimas Notícias

PF faz buscas na casa de suspeito por pedofilia, em Rio Branco

A Polícia Federal deflagrou, nesta quarta-feira (24/4), a Operação Videochamada, que visa combater a...

A frota fuleira do Bocalom: mais um pneu cai e causa gritaria em ônibus, nesta 4ª

O pneu de um ônibus que faz a linha do Calafate desprendeu do eixo...

Vídeo do deboche em Paris: operação contra jogos de azar apreende bens e bloqueia contas de mais 4 influencer´s do Acre

A influencer acreana Gleyna Natasha Silva debochou, debochou....até que foi acordada pela polícia, na...

Serviço Social do Hospital do Idoso proporciona reencontro de paciente separado da família há 30 anos

Morador de Acrelândia, interior do Acre, Gilberto Lima, de 76 anos, reencontrou a família,...

Deputada bolsonarista mandou e hacker executou invasão ao sistema do CNJ, diz PGR

O procurador-geral da República, Paulo Gonet, denunciou a deputada federal Carla Zambeli (PL-SP) e...

Você não pode copiar o conteúdo desta página