quarta-feira, abril 24, 2024
InícioDestaque 1Empresário não paga aluguel, é cobrado na justiça e Paradiso pode fechar...

Empresário não paga aluguel, é cobrado na justiça e Paradiso pode fechar as portas

Publicado em

O empresário Neto Brito pode se vê obrigado a fechar o seu recém inaugurado gastrobar Paradiso. A empresa controlada pelo empresário virou ré em ação judicial por não pagar aluguel do espaço, considerado um dos três endereços mais sofisticado do segmento em Rio Branco. A locataria revela em juízo haver dívidas de aluguel e outras obrigações do locador, em contrato que foi engessado em agosto do ano passado. O  IPTU também não teria sido pago, segundo petição protocolada numa vara cível da Comarca de Rio Branco.  Os valores totais do débito são calculados em juízo.

Brito é fundador do Tardezinha, marca herdada pela esposa, fruto de um   acordo litigioso

 

 

Copiar

Últimas Notícias

Testemunha diz que servidores da prefeitura “levaram” as peças mais valiosas dos 10 tratores agrícolas abandonados na Sobral

A caixa satélite da planetária de todos os tratores agrícolas que se encontram abandonados...

PF faz buscas na casa de suspeito por pedofilia, em Rio Branco

A Polícia Federal deflagrou, nesta quarta-feira (24/4), a Operação Videochamada, que visa combater a...

A frota fuleira do Bocalom: mais um pneu cai e causa gritaria em ônibus, nesta 4ª

O pneu de um ônibus que faz a linha do Calafate desprendeu do eixo...

Vídeo do deboche em Paris: operação contra jogos de azar apreende bens e bloqueia contas de mais 4 influencer´s do Acre

A influencer acreana Gleyna Natasha Silva debochou, debochou....até que foi acordada pela polícia, na...

Serviço Social do Hospital do Idoso proporciona reencontro de paciente separado da família há 30 anos

Morador de Acrelândia, interior do Acre, Gilberto Lima, de 76 anos, reencontrou a família,...

Você não pode copiar o conteúdo desta página