sábado, junho 22, 2024

Top 5 desta semana

Notícias relacionadas

Dupla que matou para roubar o empresário Jorge das Flores é condenada por integrar organização criminosa

Igor Cavalcante de Souza e Juliano Salvador Leitão, envolvidos no latrocínio do empresário Jorge das Flores, voltaram a ser condenados pela Justiça do Acre.
Desta vez, a dupla foi sentenciada por integrar a organização criminosa comando vermelho.
Pelo crime, Igor Cavalcante, o “Positividade”, e Juliano Salvador, o “Jota”, de 22 anos, receberam cada um pena 8 anos e sete dias de prisão em regime fechado.
A decisão é do Juiz da Vara de Delitos de Organizações Criminosas da Comarca de Rio Branco, que julgou procedente a denúncia do Ministério Público do Acre.
Os dois acusados foram investigadores pela Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (DRACO).
Após a extração de dados autorizado pela justiça (mensagens de um aplicativo), concluiu-se que os dois participavam ativamente da facção criminosa.
Juliano Salvador e Igor Cavalcante começaram a ser investigados logo após ser presos pelo latrocínio do empresário Jorge das Flores. O crime ocorreu em fevereiro de 2022, na Floricultura da vítima localizada no Bairro do Bosque.  Juliano, autor dos disparos, foi detido em flagrante. “Positividade” foi preso dias depois por investigadores da DCORE, em uma área rural no interior do estado.
Pelo latrocínio do empresário, cada um dos réus foi condenado a 20 anos de prisão.
Juliano Salvador tem ainda uma pena de 11 anos e 9 meses a cumprir por roubo e corrupção de menores, enquanto Igor Cavalcante tem mais duas condenações – 11 anos e 9 meses por corrupção de menores e 4 anos 4 meses e 15 dias por porte ilegal de arma de fogo e corrupção de menores.
Os réus ainda podem recorrer da sentença.

Você não pode copiar o conteúdo desta página