domingo, junho 23, 2024

Top 5 desta semana

Notícias relacionadas

Gladson chama Socorri Neri e secretário de Educação para um “pé de orelha”: veja o que será dito a eles

Gladson Cameli terá um “pé de orelha” com Socorro Neri e Aberson Carvalho, na manhã desta quarta-feira. O encontro está confirmado e o recado, olho no olho, será o seguinte:

“A Educação tem metas a bater este ano. O prato extra aos estudantes da rede estadual de ensino é uma dentre várias outras. Não sei que rumo vocês tomarão, mas é necessário reafirmar que a estrutura governamental não deverá servir a nenhum candidato”.

Como noticiado ontem com exclusividade por oseringal, o governador se manterá neutro nestas eleições e vai se dedicar a cumprir seu plano de governo, executar as obras estruturantes e seguir sua determinação de valorizar os servidores públicos. Quer finalizar seu segundo mandato com a maior aprovação da história.

Enquanto isso, o PP avalia quem vai apoiar nestas eleições: Marcus Alexandre (MDB) ou Bocalom (PL), muito embora manter a pré-candidatura de Alysson Bestene seja o mais provável.

Cameli tem plena confiança em Aberson, secretário de Educação, secretário geral do Progressista e indicação da própria Socorro Neri.

E não pretende lavar roupa suja com a presidente municipal da legenda, que intimou Bocalom a deixara legenda, numa atitude que tem, sim, boas pitadas de ressentimentos entre a deputada e o prefeito. Tampouco sobre a insusgência da deputada contra a filiação da prefeita Fernanda Hassen (Brasiléia) ao PP.

Esse encontro, entre os três, inicialmente, será o termômetro do que pensa Cameli em relação às demais secretarias e secretários. Para capitalizar candidaturas, cada partido que disputa as eleições deve se viabilizar financeiramente. E tirar o olho da máquina estatal, tão assediada, e que desta vez ficará na arquibancada, se depender do próprio governador.

 

Você não pode copiar o conteúdo desta página